«Luz Sublime"

Início » MÚSICA » ♬ Sacra popular br, Betânia, Sophia, Arnauth, Iemanja, Madre Pérola

♬ Sacra popular br, Betânia, Sophia, Arnauth, Iemanja, Madre Pérola


Sexta-feira, 11 de Janeiro: fim de semana de esperança, e retorno da música.

Este blogue é dedicado a arte sacra. Isto é música sacra popular brasileira.
Podemos dizer que uma das coisas que falta em Portugal, uma das suas amputações, está encarnada nesta ausência: o que aconteceu à música sacra portuguesa, vinda dos corações, alma e sentimento do povo? É tão simples assim… !
Ai! Meu povo! Muitos te têm manipulado e usado. Tens-te entregue a quem pouco te amou, desde tempos, já sem memória. Também de ti levaram e esconderam o teu direito ao contacto directo com Deus.
Muitos que te amam, é ainda com uma amor tão confuso e servo de outros deuses, imprimindo em ti, no teu espírito, velhas prisões sob novas formas.
Mas por ti e em ti, Deus quer encarnar de novo.

Betânia a não perder:

Maria Bethania – Yemanja Rainha Do Mar/ O Marujo Português

(isto foi em Pt?)
*(ver nota)

Iemanjá, Madre Pérola:

Iemanjá, Lágrimas de Luz

via Iemanja amor do mar – YouTube.
[you tube http://youtu.be/T8SzoVE4Kpc%5D

* (entretanto vejam o que brasileiros, dizem e espalham de Portugal, não só por todos os vídeos  onde isso é possível, mas também pelo mundo (fui testemunha de tal):
exemplo:
Moro no exterior há 8 anos, e há 8 anos eu ouco as pessoas, que sao várias e de quase de todas as partes do globo, me confessando que adoram ouvir os brasileiros falando entre sí, mas que nao suportam ouvir os Lusos… !!!”

Há muito muito para Portugal fazer.
Bem Hajam os que em Portugal têm coragem para abraçar a senda da procura, em vez dos que estão fechados, pensando que já têm e sabem. É esta procura de Verdade e Absoluto, e o ir ao seu encontro, que aí vem, que libertará, e soltará, os portugueses. 
Povo casmurro que se recusou a libertar com coisas que sabe lá no fundo, não ser ainda bem isso a Verdade e o Absoluto que procura. ;). Disto se pode fazer algo muito belo. Só depende de quantos nos unirmos na sede e paixão, em volta da Fonte. 

 


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 48 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: