«Luz Sublime"

Início » ACERCA » Madrepérola

Madrepérola

images-2A autora tem habitado, grande parte da sua vida, até mesmo muito antes de o saber, lado a uma biblioteca de Swedenborg; a obra Swedenborgiana, é suficientemente vasta para formar uma bela biblioteca.

Acrescenta-se aqui que a autora não está ligada a nenhum culto, seita ou igreja, por enquanto. A não ser no sentido macro-cósmico que Swedenborg dava à palavra.
A sua plácida certeza da verdade e importância dos escritos de Swedenborg, para a realização do Reino do Espírito Santo, inclusivamente para a salvação de Portugal, é  baseada na própria vivência espiritual, interna e externa.
O seu amor incondicional à verdade, independente e livre de relações com vantagens, ganhos, visões, ou necessidades pessoais, pela Graça e Compaixão Divina, levam-na a ter como objectivo que

“Venha a nós o Vosso Reino

Assim na Terra como no Céu.”

Estas frases, definem o seu querer. “Seja feita a Vossa Vontade”  indica com precisão o que é preciso fazer para alcançar o objectivo: é preciso fazer a “vontade divina” Qual o objectivo? O Reino de Deus, tanto no Céu como na Terra.
Em que é que realmente consiste a vontade divina, é sempre a questão. Porém esta questão foi claramente respondida por João Baptista e por Jesus depois dele, com frases tão simples como “dai metade do que tendes”.
A vontade da autora é portanto avançar em conjunto com outros, no esclarecimento desta Vontade Divina, para que seja possível que Venha a nós o Reino Divino, tanto no Céu — como na Terra.
Ela entende que é ainda mais importante a comunhão e o esclarecimento desta vontade divina, do que a procura de estados de consciência elevados, sem desprezar ou descurar estes. Porque estes advém da primeira, e não ao contrário, como se pretende.

Inversamente, o ter-se um estado de consciência determinado a buscar a prática de uma verdadeira compaixão, já é estado de consciência suficientemente elevado, antes de se avançar com estados de consciência mais elevados, sem praticar os actos de compaixão relacionados a este estado de consciência.

(pode ter continuação)


12 Comentários

  1. Rogério Maciel disse:

    Bom Dia LInda !A Luz Sublime está Bela como tu … Beijinhos .

    ps.:Já estou a seguir … :)

  2. Maciel disse:

    OLá Natya !Quando é que nos casamos ? :) …a brincar , a brincar … :)
    Olha , tens aqui um belíssimo Trabalho , muito completo com imensos artigos e variedade de Têmas .Muitos Parabéns Querida !
    Só uma sugestão .Agora já podes têr o teu blogue em PORTUGUÊS em vez de Brasileiro . Aqui vai o linque em que podes reconvertêr o blogue para a Língua de Portugal .

    http://www.wordpress-pt.com/

    Beijinhos e Espero que um dêstes dias nos encontrêmos …

    Rogério

    • Madrepérola disse:

      Eu também, antes da morte !

      • Maciel disse:

        Que resposta mais estúpida Natya !!!

        Pois , olha , daqui até depois da Morte foi a última vez que te contactei .

        Eu só conto com os/as Amigos/as … e o meu Maior é Dêus !

        …o resto , não me aquece nem arrefece , é como se não existisse .

        ps.: No entanto , Dêus Diz-me para mantêr a linha aberta … portanto , se quiseres contactar-me , fôrça . Se não , passa bem na mêsma ..

      • Madrepérola disse:

        Olha Rogério, eu nem percebo o que se passa aqui, pois o acima nem foi a resposta que te dei – deve ter havido um problema qualquer técnico que cortou a minha resposta a ti.
        Depois, eu não mereço que me dês uma resposta assim !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

      • Madrepérola disse:

        Tenho mais para dizer, mas é melhor conter a surpresa absoluta da tua mensagem !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

      • Madrepérola disse:

        E mesmo que o acima tivesse sido a minha resposta, intencionada, (sobre a qual, conhecendo-me, haveria muito mais razão para preocupação do que para zanga) eu nunca mereceria, tendo tu obrigação de me conhecer um mínimo depois dos meus esforços na internet, e de ter falado contigo várias vezes, sobre Portugal e outras questões de interesse e ideias comuns, depois de teres-me não só ouvido como lido e sabendo que o que escrevo são palavras vivas, eu NUNCA MERECERIA A TUA RESPOSTA ACIMA NUNCA!
        Estúpida, ou não estúpida.
        Toda a gente pode dizer uma coisa estúpida.

        Uma coisa é certa; não é assim que se tratam os amigos. “Disseste uma coisa estúpida, nunca mais entrarei em contacto contigo até depois da morte.”

        ? Olha se eu pensasse assim a respeito das pessoas… se eu lhes pagasse de volta assim…. lol

        E que mal tem, “também eu te quero ver antes da morte”? Nas minhas circunstâncias ? Se soubesses o que isso quer dizer !!!!

        Apenas eu escrevi bastante mais que pelos vistos não ficou, ou cortei sem querer.
        Mas como digo: o acidente involutário, não merece a tua resposta acima

    • Madrepérola disse:

      Isso é mto bom do português, obrigada, bom ver-te,beijo

  3. Madrepérola disse:

    Acaso segues o meu Gravidade ? Não vês o que lá escrevi dos últimos dias ???
    E depois, porque não me telefonas?
    Não sabes que vivo em grande desgosto e aflição – ????
    Por um lado completamente devotada ao bem da Europa de Portugal e da Humanidade, serva e amiga de Deus, por outro lutando com as consequências de coisas graves, e também com uma doença com que não quero contagiar outros ???????
    E se não leste o que escrevi no Gravidade nos últimos dias, lê!
    Não sabes que ainda há poucos dias se passaram ainda mais coisas ?! É só leres lá !

    Francamente é inacreditável !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! INACREDITÁVEL !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  4. Madrepérola disse:

    E já agora, os Holandeses, enquanto querendo e participando do mesmo bem, também estão incluídos. … mas isso é evidente, como parte da Europa que é, e naquilo em que ela esteja/está comprometida com o Bem e a Verdade… e a Beleza! Mas isso, é outra questão, só acrescento para não se acrescentarem mal entendidos , para que os seres humanos já têm tanta tendência.
    Não sou de atraiçoar pelas costas mas de dizer pela frente o que não está bem, quando isso é útil e possível.
    E quando há enganos, gosto de os desfazer. Como agora.
    Tenho muitos amigos holandeses relacionados com Portugal… e todos tenho relacionado com Portugal.
    Tenho servido Portugal e quero continuar a servir.
    Na Holanda também tenho história, responsabilidades, direitos e quero mostrar-lhes um dia o que pode e o que é o povo de Portugal. Verdadeiramente, e não segundo as leis miseráveis do capital e do Príncipe deste mundo.

    Puseste aqui mensagens simpáticas às quais mal respondi por nem as ver bem. Também eu te telefonei e falámos sobre Portugal e vários assuntos. Assim como não vi as tuas mensagens anteriormente na sua íntegra, também agora julgaste erradamente o que te disse.

    O resto, é mais complicado….
    Acrescento por último, que a parte da minha resposta a que reagiste desta forma, também tinha algo de humorístico, entre a aflição !!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s